Ser Terapeuta e Protecção Espiritual!

Muitos acham que ser terapeuta holístico é uma moda e então vão tirando cursos e aplicando sem perceberem que é uma profissão como outra qualquer com a agravante que temos de tratar do visível e invisível.

Ser terapeuta é mexer literalmente no caixote do lixo dos outros. Estamos constantemente expostos a padrões negativos, vidas completamente desfeitas, depressões de anos e no pior dos casos, magias e obsessores. Tudo isto exige que tenhamos algum cuidado no nosso trabalho, tal como outro qualquer. Precisamos de estar em constante formação divina, em que temos de nos trabalhar a nós para podermos ajudar outros. Mas quando iniciamos este caminho espiritual a nossa vida começa a piorar, porquê?

Quando iniciamos a vida de terapeutas, cada terapia que fazemos estamos também a mexer em nós obrigatoriamente. Estamos a ancorar os guias e seres que iram trabalhar connosco. Estamos a criar o nosso espaço de trabalho no espiritual e a nossa equipa que nos vai acompanhar para realizarmos esse trabalho. É claro que essa equipa só vai trabalhar connosco se eles perceberem que estamos a fazer um esforço para nos purificarmos através de varias técnicas e para nos mantermos neste caminho.

Então toda uma vida tivemos padrões negativos, e energias negativas á nossa volta e é claro que isso atrai obsessores, porque isso é o alimento deles. Andamos a alimentar obsessores uma vida inteira até começarmos a nossa caminhada espiritual. Nessa altura é normal que eles não gostem porque mais luz começa a entrar nas nossas vidas e eles detestam. E o que faria qualquer ser numa situação destas? Lutar pelo seu cantinho ao sol. Eles começam a manifestar-se e a boicotar o caminho para poderem continuar a alimentarem-se dos nossos padrões negativos. Totalmente legitimo e permitido pelo Divino porque isso ajuda-nos a crescer e também porque não nos podemos esquecer que não somos só esta vida. Somos uma união de varias reencarnações em que muitas delas violamos, roubamos, fizemos magias negras, traímos e por aí a fora. Então tudo isto se manifesta quando entramos no caminho da luz. Tudo para defenderem o seu terreno.

Por isso ser tão importante estarmos atentos á nossa energia e como cuidamos dela. É isso que nos vai manter neste caminho de ser Terapeuta Holístico, em que tratamos do corpo e do espírito como UM só.

Muitos me procuram com magias totalmente indignados como podem sequer atrair aquilo, esquecendo-se que noutras vidas fizeram o mesmo e estão a equilibrar Karma. O próprio Terapeuta atrai este tipo de casos para poder equilibrar Karma. A maioria dos terapeutas hoje no ativo trabalharam com magias em outras vidas e só aprendendo a proteger-se conseguirão trabalhar na luz. Estas energias das trevas são poderosíssimas e acabam com o nosso trabalho num instante, se quiserem. Claro que temos a protecção diária dos nossos guias para que o impacto seja menor, mas nunca nos irão tirar isso do caminho. Então cabe a nós fazermos o nosso trabalho aqui em baixo. Temos a responsabilidade de evoluir e fazer as nossas protecções. Dá trabalho? Muito. Pelo menos 2 horas do meu dia é para fazer protecções e ancoramento fora o trabalho de yoga e meditação. É um trabalho a tempo inteiro e é por isso que tem de ser recompensado. Não consigo ajudar ninguém se não tiver protecção divina porque quanto mais avanço mais sou atacada das mais diversas formas imagináveis.

Orações e ancoramento – Antes De ir para qualquer trabalho levamos o que é necessário para trabalhar (tablet, canetas, agendas, etc…). Antes de começar o meu dia começo as minhas orações aos meus guias e entidades de seres de luz que trabalham comigo. Faço orações de coração e sentidas, por isso não há nenhuma em especifico que se deva usar, a não ser se for para um problema especifico que não é o caso. 2x por dia pelo menos

Gratidão – Todos os dias agradeço pela maravilhosa vida que tenho e por todos os casos que vêm ate mim. Gratidão é a primeira coisa que devemos fazer mesmo ainda não estando neste caminho. A toda a hora devemos fazer isto.

Trabalho da mediunidade – Foco e trabalho da terceira visão através de yoga e meditação. Tal como trabalhar a intuição.

Limpeza do corpo – Todos os dias faço limpeza ao intestino, olhos e nariz. Todos eles são canais onde se acumulam energias negativas e que quando bloqueados impedem que tenhamos uma boa conexão com o exterior fazendo com que sejamos vitimas das suas ordens e pensamentos.

Defumação– É necessário para quem trabalha como terapeuta diariamente manter incensos acesos e fazer defumação com arruda, alecrim e alfazema. Eles elevam a vibração. Existem também os sprays com ervas que aumentam a vibração do espaço mas estão longe de uma defumação.

Banhos de descarrego – tomar banhos de arruda, alecrim e alfazema para limpar estas energias que se acumulam na nossa aura. Quando estivermos mais pesados deverá ser 3 dias seguidos.

Podemos acrescentar cebola e alho para a inveja, canela e louro para prosperidade e guiné para energia bem mais pesadas.

Consciência –  Estar cada vez mais despertos para a mudança de consciência e para o que devemos trabalhar. Continuar a evoluir através de retiros e outras terapias necessárias ao nosso desenvolvimento. Ainda hoje eu continuo a procurar terapeutas específicos para os meus bloqueios na espiritualidade. Engane-se quem acha que tirou um curso e já não precisa de mais nada.

Humildade e compaixão– Esta é a maior senão a mais importante de todas as armas. Ao praticarmos de coração o ser Terapeuta e ter compaixão por quem chega até nós, completamente desamparados e cheios de dores espirituais, estamos a crescer imenso a nível espiritual. Isso eleva a nossa vibração e mantém afastadas essas energias indesejáveis. Aliás isto resulta para qualquer alma neste planeta.

 

Estas são algumas das técnicas que tenho aperfeiçoado e que vejo o quão importantes são para me manter no meu trabalho como Terapeuta Holística.

Seja numa leitura de aura, Tarot, Conexão AVA ou terapia multidimensional é sempre necessário ter estes cuidados.

Estamos a evoluir e estamos a sair de uma quantidade de vidas negativadas e isso exige trabalho e dedicação. Ser Terapeuta é ser consciente a tempo inteiro e totalmente ligado ao divino.

Eu amo meu trabalho e faço com toda a dedicação que os meus guias me permitem, mas sempre com consciência que estou começada e não acabada.

Nithyanandam <3

 

By Célia de Jesus

Quer prosperidade na sua vida? Leitura de aura de prosperidade

Este artigo foi escrito em parceria com Heloisa Miranda para a Sapo Lifestyle. Fala sobre a relação que temos com a prosperidade, principalmente a energia do dinheiro.

A Leitura de Aura de Prosperidade assume assim um papel mais importante ao trazer ao de cima todos os padrões que estão a bloquear em relação a prosperidade e abundância

 

“Quando se fala em prosperidade, o nosso pensamento vai logo directo ao dinheiro. Prosperidade e abundância andam de mão dadas e servem para qualquer área da nossa vida. Mas visto que a nossa sociedade vive em função do dinheiro, a nossa mente foge logo para lá. Então vamos falar de dinheiro, mas pode trocar a palavra por amor, saúde ou trabalho e a base de entendimento é a mesma.

A ideia de riqueza na maioria das almas está totalmente errada. Querem alcançar uma riqueza material sem primeiro alcançar a riqueza interior. É do nosso coração que vem o maior trabalho em relação á prosperidade. É o nosso quarto secreto que fechamos a sete chaves e não deixamos que nada do que está lá dentro possa sair cá para fora. Então como atingir a riqueza?”

 

Ver mais em https://lifestyle.sapo.pt/astral/espiritualidade/artigos/quer-prosperidade-na-sua-vida-leitura-de-aura-de-prosperidade

Do NADA ao AVA

Este artigo foi escrito por uma paciente minha, e descreve perfeitamente o que se sente com a Conexão AVA. São sessões muito intensas mas de profunda libertação. Espero que possa ajudar muitos a perceber que é possível chegar á felicidade! Muito grata por este artigo lindo Andreia <3
“Estava perdida. Imersa em confusão. Não conseguia ver a luz ao fundo do túnel. Aliás, não via sequer o túnel! Uma sombra do que sabia que poderia ser, e do que já tinha sido.
Tinha uma fé tremida em tudo e em quase nada, e a vontade de sorrir, de aproveitar os minutos cá em baixo escoava-se e como que se me fugisse por entre os dedos.
E depois. As desculpas! E as culpas!
Do mundo, das pessoas, do trânsito, do tempo, da falta de tempo… De tudo!
Sem perceber, que a faca e o queijo estavam na minha mão, e que como em muitas outras situações só dependia de mim!
Precisava de luz! Precisava da minha luz!
E eis que ela chegou! E eu nem sequer a vi. E hoje tenho a certeza de que se eles se apresentassem à minha frente e me dissessem que eu iria viver tudo isto e chegar até aqui, ia me rir.
E é então que passo pelo que eu considero os estados principais deste caminho.
Resistência.
Negação.
Desculpas.
Mentira.
Desespero.
Resistência.
Rendição.
Luz!
Demorou, doeu, custou. Mas nada poderia ser feito por mim, sem que eu tivesse plena e perfeita consciência, de que queria sair daquele estado.
A luta contra padrões criados, enraizados, agarrados, é longa e cansativa.
Mas após toda a resistência, e negação, e desculpas, e mentiras, e desespero, veio finalmente a rendição, e a luz que eu tanto precisava!
A minha alma gritou a plenos pulmões, de lágrimas a escorrer, do mais profundo de mim, que já chegava!
Foi então que a minha irmã cá em baixo me falou da Terapia de Conexão AVA e pouco depois, a Tree Natura Terapias e a Célia entraram na minha vida!
A disponibilidade, a amabilidade, a clareza na explicação, a luz que emana dela e a certeza e a garantia que o meu tempo tinha chegado, fez-me reacender a centelha da esperança.
E dei o meu primeiro salto sem rede!
A primeira sessão chegou. E pela primeira vez, atrevo-me a dizer que em 30 anos de existência, vi, senti, e acreditei que o amor incondicional existe!
E despi-me! De conceitos. De preconceitos. E senti! Fundo!
E chorei, chorei muito. Chorei uma dor de agora, uma dor de muitas vidas. Mas a grande diferença, entre as lágrimas de antes e daquele momento, foi que não me sentia, que não estava mais sozinha!
A compreensão, a compaixão, e o amparo estavam naquele quarto, e nesta casa.
E até hoje permanecem!
E vi a minha casa cheia estando vazia. E não me senti mais sozinha. Não senti mais medo! Confiei. Deixei ser!
A limpeza, foi e está a ser dura! Dos sintomas físicos aos sintomas emocionais, a montanha russa não acaba!
A sensibilidade aflorou, e a minha capacidade de me ler, de me compreender, de me enfrentar e confrontar vieram.
Senti-me a nascer! E com isso a minha vida, a forma de ver o mundo e as almas que nele habitam mudou também.
Estou grata! Eternamente grata! A todos os professores que o universo me forneceu!
Por ter encontrado uma terapeuta com uma alma gigante, com uma  compaixão sem tamanho, conhecimento sem fim, e sempre, sempre disponível para ajudar, aconselhar, orientar e guiar!
E por ter uma irmã com uma alma enorme! Que está sempre aqui. Que me abana e puxa a minha frequência quando me vê a ir pra baixo. Que está comigo! Em mim!
A minha vida começou!
Duas sessões de Terapia de Conexão AVA depois, e sinto as mudanças a acontecerem à velocidade da luz, e não quero parar!
O caminho  vai ser longo! Vai ser duro! Vai ser trabalhoso!
Muitas lágrimas vão rolar ainda. Vou ser posta à prova, e vou passar por provações. O desconhecido, o não saber, ainda me assustam!
Mas sempre que isso acontece, eles dizem-me “confia”! E eu confio! E vou continuar a confiar.
O que amanhã me espera preocupa-me. Mas já não me desespera.
Porque agora estou certa e com a certeza de eles estão lá! E que por vezes perder, significa ganhar. Que chorar não é sempre sinal de tristeza nem sinal de fraqueza.
E o mais importante! Todos nós somos importantes! Todos nós somos almas em estado de evolução. E que o mal que fizemos durante quarenta ou cinquenta vidas pouco importa para eles! O que importa é a tua capacidade de rendição. O que tu és hoje, e o que desejas ser amanhã!
E que antes de julgarmos seja quem for, de condenarmos o mais vil dos crimes e injustiças, nos possamos lembrar que por detrás de cada olhar existe uma história! E existe uma alma!
Que cedo ou tarde irá pedir rendição, irá entender o mal que fez, e que é agora que todas essas almas precisam da nossa compaixão! Não da nossa pena ou do nosso julgamento!
Todos nos perdemos! Todos nos arrependemos!
Mas no final, cedo ou tarde, com muito ou pouco tempo, todos desejamos o mesmo.
Voltar a casa! Voltar para casa!