Karma- Será bom ou mau?

“A minha vida está bloqueada porque o Karma que trago actualmente é muito grande. Tudo dá sempre errado.”

Esta é uma das coisas que mais oiço quando estou em terapias. Errado é nós pensarmos que não podemos superar isso. É mais fácil colocar a culpa no Karma “imaginário” do que se responsabilizar pela própria vida. Nós somos partículas de Deus e portanto temos todo o poder para fazer diferente e melhor. O Karma não é mais do que uma divida que nós temos  ou criamos. Há o Karma acumulado de outras vidas e o Karma que produzimos nesta vida e também aquele que imaginamos que existe.

Quando pedimos um empréstimo a um banco, comprometemo-nos a pagar e o mesmo acontece entre vidas. Ao criarmos Karma noutras vidas e não o pagarmos, em outra vida ( não necessariamente a próxima) temos de pagar. Só assim conseguimos equilibrar e ultrapassar e crescer.

Agora a maneira como equilibramos o Karma é a mais importante. O Karma não é para sofrer, nós escolhemos vir trabalhar esse Karma. Por isso é tão importante a abertura de consciência para que tenhamos noção que aquele Karma não tem de ser doloroso.

Relações dolorosas que não dão em nada em que ambos já perceberam que nada têm em comum, maior parte delas Karmicas, basta perceber que já se juntaram e já pagaram o Karma. Tudo o resto já não vai funcionar e então há que largar. Para quê continuar a sofrer com a desculpa que é karmico, então é para a vida toda?

Trabalhos que em nada aumentam a nossa produtividade e cada dia que passa nos deixam cada vez mais tristes, são apenas para nos dar a força para procurarmos algo melhor e de acordo com o nosso propósito de vida. Ainda assim preferimos ficar a lamentar-nos que é o nosso ganha pão e que nunca iremos ter abundância e prosperidade. Logo as pessoas com abundância são más e sem escrúpulos.

As pessoas são más e sem escrúpulos na essência, com ou sem dinheiro.

Somos nós que fazemos as nossas realidades e como tal também temos o poder para muda-las.

Quando  nós abrimos a nossa consciência, a nossa alma volta a estar mais próxima de nós e por sua vez também o nosso EU Superior. Voltamos a ter acesso a muita informação que nos mostram  o caminho e principalmente voltamos a ser  Nós mesmos. Daí a importância do auto-conhecimento interior. Seja através de práticas que gostamos ( desportivas, meditativas, caminhadas,….) ou terapias alternativas como Leitura de Aura, Conexao AVA, Terapia Multidimensional ou Tarot. Todas estas terapias vão dar o conhecimento do que está bloqueado; o que precisa ser potencializado; os dons e por vezes acentuar a mediunidade que trazemos. Quando tomamos consciência de certas acções  menos correctas, temos oportunidade de resgatar também o Karma que fizemos nesta vida actual. É maravilhoso saber que não vamos levar novamente Karma para outra vida.

Há também técnicas que nos ajudam e que podemos fazer em casa:

  • Oração de apelo á Chama violeta de Saint Germain – Esta chama foi disponibilizada para toda a humanidade para ajudar nesta nova Era de Aquário. Quando invocada diariamente 20min, ela tem o poder de desfazer os nossos Karmas e alguns pela raiz. Tal como transmutar tudo o que seja negativo em nós em positivo.
  • Oração diária – Quando nos disponibilizamos para falar com o divino e essa oração sai do coração, a nossa conexão e fortalecimento de fé ficam mais fortes. Temos de disponibilizar uma hora para isso e fazê-lo de coração diariamente e não quando a aflição aperta, porque aí já há todo um trabalho anterior para fazer. Por isso muitas das orações não são ouvidas devido á vibração em que a fazemos. Vibração de medo e mágoa não eleva a oração.
  • Gratidão – começarmos a agradecer ao acordar e deitar por tudo o que temos é o mínimo que podemos fazer. “mas eu não tenho nada para agradecer, a minha vida está um caos.” Tem cama ? Tem casa? Tem água?
  • Mudança de padrão de pensamentos – Nada fácil de fazer mas possível. Mudar a maneira como pensamos exige todo um treino mental imenso. Não é fácil deixar 30 ou mais anos de pensamentos para trás. Existem varias técnicas de Louise Hay, Osho, Deepak Chopra entre tantos outros que ajudam nisso. Deixar de pensar numa vibração negativa e mudar para positivo.

Estas são algumas técnicas que apliquei em mim e vi a mudança a acontecer. Exige trabalho e tempo? Sim e muito mas vale a pena quando nos encontramos outra vez e somos felizes.

O Karma não é mais que uma energia que tem de ser equilibrada pelo Universo. Se o encaramos como mau, é assim que vai ser. Se o encaramos como bom e para o nosso crescimento, ele vai ser a catapulta de muitas coisas na nossa vida. Só temos de mudar a perspectiva de olhar para o Karma e não achar que tudo é sinal de que algo de ruim vai acontecer.

Karma muitas vezes é simplesmente enfrentar os nossos medos e enquanto isso não acontecer, eles vão continuar lá até o nosso guia achar que está na hora de mudar e nos coloca frente a frente com eles. Coisas tão simples como falar em publico; enfrentar alguém de família que nos corta as pernas; aprender a viver sozinho; voltar a estudar para crescermos…. enfim todos temos medos. Nessa altura não podemos achar que somos uns coitadinhos. Estamos apenas a crescer e a abrir consciência.

Muda a maneira como vives. Muda a maneira como pensas e o Karma será fluido na nossa vida.

By Célia de Jesus

Terapeuta Holistica